mais outro post de teste

Como funciona o POST

2º Estágio de um POST.

  1. Quando ligamos o PC um sinal elétrico percorre um caminho programado até a CPU, passando pela placa-mãe (mainboard). A CPU encontra e ativa o programa de inicialização na BIOS da ROM. O qual conduz o POST (Power ON Self Test).
  2. A CPU então ativa o programa de inicialização do sistema básico de entrada e saída (BIOS) do PC que inicia uma série de testes de verificação do sistema. O Chamado POST.
  3. A CPU, comandada pelo POST, faz um teste de si mesma e do próprio programa POST.
  4. A CPU envia sinais através do sistema de barramentos BUS, o circuito onde todos os componentes se acoplam e verifica se estão funcionando.
  5. A CPU testa então a memória da placa de vídeo e os sinais de vídeo que controlam o monitor. A BIOS da placa de vídeo passa a fazer parte da BIOS total do sistema e da configuração da memória.
  6. Em seguida testa os chips da memória RAM. São gravados dados em cada chip e depois é lido cada byte enviado. A comparação do que é enviado e gravado na RAM e o que é lido é feito para certificar que a memória funciona corretamente.
  7. A CPU verifica se o teclado está conectado corretamente. Se houver algum curto-circuito ou tecla pressionada é enviada uma mensagem de erro.
  8. O POST envia sinais até os discos através de barramentos específicos. A resposta aos sinais indica quais drives estão disponíveis.
  9. Os resultados obtidos nos testes são confrontados com os dados gravados na CMOS. Que é onde ficam armazenadas as informações oficiais dos dispositivos instalados. Quaisquer modificações devem ser atualizadas na CMOS através do programa Setup.
  10. Algumas placas de expansão, como algumas controladoras de disco, contêm suas próprias BIOS, as quais são reconhecidas e passarão a fazer parte da BIOS do sistema e da configuração da memória. O boot passará para a fase de carregamento do Sistema Operacional. Ele é enviado para a memória RAM e passa a comandar as operações da máquina. Nessa fase o Sistema Operacional tem o controle do microprocessador.
  11. Além de detectar o hardware instalado, a função do POST é verificar se tudo está funcionando corretamente. Caso seja detectado algum problema em um componente vital para o funcionamento do sistema, como as memórias, processador ou placa de vídeo, o BIOS emitirá uma certa seqüência de bips sonoros, alertando sobre o problema. Problemas menores, como conflitos de endereços, problemas com o teclado, ou falhas do disco rígido serão mostrados na forma de mensagens na tela.

teste de post

testando post no WordPress

blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá
blá blá blá blá blá blá blá